Meu bem, volto já

Com adereços comprados e samba do Império no Ipod, paro de escrever durante o carnaval. Assim posso tirar uma folguinha e aproveitar a festa.

Deixo vocês com dois momentos em que a folia virou História.

Acima, uma das fotos do artista Carlos Vergara sobre o Cacique de Ramos, que completa 50 anos neste domingo, a partir das 20h, com seu desfile sempre emocionante na Avenida Rio Branco. O bloco da Zona Norte explode com a noção de hierarquia. Na fantasia de uma noite – o grupo inteiro usa a mesmo figurino -, todos são iguais e têm o mesmo poder. Vivem diante da plateia extasiada o sonho da convivência sem mandantes e nem mandados. Uma tribo feita apenas de caciques.

+++

Aí no vídeo, o desfile do Império Serrano em 1969, com o enredo Heróis da Liberdade. Dois meses depois da decretação do AI-5, no momento mais violento da ditadura militar brasileira, várias agremiações fizeram seu carnaval elogiando feitos do governo ou lembrando momentos solenes da História do país. Já Madureira foi para a avenida pedir “o fim da tirania” e homenagear “alunos e professores acompanhados de clarim”.

O samba de Silas de Oliveira, Mano Décio e Manoel Ferreira clamava a liberdade cobrindo o protesto com o manto da metáfora: teoricamente, aquele era um desfile sobre a Inconfidência Mineira, a Abolição e outros momentos de transformação. Mas o povo da Serrinha cantava mais alto para soprar no ouvido das arquibancadas  “essa brisa que a juventude afaga, essa chama que o ódio não apaga”. Àquela altura, já se sabia que a juventude citada na letra não tinha mais voz. Parte dela estava sendo torturada, parte desaparecida, parte fugia rumo ao exílio.

Repare na edição acima que o fim do samba é praticamente uma oração – “Ô, ô, ô, ô, ô… Liberdade, Senhor!” – distribuída em comunhão para a plateia. A escola desfilou de manhã, dançando com o refrão “já raiou a liberdade, a liberdade já raiou”.

Heróis da liberdade marcou a história dos desfiles. Não por acaso: foi uma “revolução, em sua legítima razão”.

+++

OS GRANDES SAMBAS DO IMPÉRIO NA RÁDIO BATUTA

Escritor, jornalista e autor do blog No Pentimento, Marcelo Moutinho deu uma interessante entrevista para Francisco Bosco na Rádio Batuta, do Instituto Moreira Salles, sobre os sambas históricos do Império.

Ouça aqui.

Imperiano de berço, Moutinho tem me ensinado um pouco sobre a entrega incondicional que envolve a torcida pela verde-e-branco. Já admirava o Império Serrano desde a infância, mas venho de uma família de mangueirenses. Meu pai, que foi comentarista de carnaval paro o rádio e a televisão, tinha de fato uma ligação profunda com a verde-e-rosa.

Há 13 anos, desfilei junto com a Serrinha pela primeira vez, quase por acaso. Naquele primeiro ano, já na concentração, senti que estava diante de uma escola diferente, algo que eu nunca tinha visto.  Soube ali que trairia minha origem para me tornar uma humilde súdita do Império do samba.

Nunca mais deixei de desfilar. Mesmo quando tento me afastar do Sambódromo, o acaso me empurra de novo – como aconteceu este ano, aos 48 minutos do segundo tempo – para os braços de Madureira. É um caso de amor e de destino.

Este ano, levaremos para a avenida uma homenagem a Vinicius de Moraes, com um samba muito bom da nova geração de compositores da escola.

Ouça aqui.

Até a volta!

3 thoughts on “Meu bem, volto já

  1. Oi Daniela, passei pelo seu espaço e gostei dele. Esta foto do vergara é um espetáculo. Também gostei da coincidência de postar perto da ana maria, que vejo pouco, mas gosto muito.. também vi um trabalho bem bacana da patrícia d’ângelo que eu não conhecia. Grande abç. e bom carnaval.

    Paulo Vieira

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s